Project Stream da Google traz Assassin’s Creed Odyssey ao Chrome

    0
    Project Stream
    Project Stream. Imagem: Google

    O streaming transformou a maneira como ouvimos música ou assistimos a vídeos, facilitando o acesso instantâneo ao conteúdo favorito de cada consumidor. É um processo tecnicamente complexo que percorreu já um longo caminho, com a próxima fronteira a demarcar-se num panorama mais exigente e ambicioso, com a chegada do conceito de streaming de videojogos.

    A ideia de transmitir conteúdo tão exigente graficamente representa uma série de desafios, e requer uma interação quase instantânea entre o comando e os gráficos no ecrã. Ao transmitir TV ou filmes, os consumidores não sentem desconforto com alguns segundos de carregamento (buffer) no início, mas o streaming de jogos de alta qualidade exige uma latência medida na casa dos milissegundos, sem qualquer degradação gráfica.

    Para ultrapassar esta nova barreira, a Google anunciou o lançamento do Project Stream, um projeto piloto que tem como objetivo principal, solucionar alguns dos maiores desafios do streaming de videojogos.

    Para arrancar com a iniciativa, a Google realizou uma parceria com a editora de jogos Ubisoft, de forma a poder enviar o novo Assassin’s Creed Odyssey, lançado no dia 5 de outubro, diretamente para qualquer computador ou portátil a utilizar o browser Google Chrome.

    Existem vagas limitadas para entrar no projeto, que neste momento ainda é exclusivo para residentes nos EUA e para maiores de 17 anos.

    Outras empresas como a Sony e a Microsoft também já estão a trabalhar em serviços semelhantes, a Sony está a desenvolver o PlayStation Now e a Microsoft procura desenvolver uma solução com base na Cloud junto da AMD com a qual tem atualmente parceria.

    Para enviar uma sugestão, tens de fazer ou .

    Comentários

    Ainda sem comentários!

      Subscrever  
    Notificar: